22 jun 2020

Covid-19: Universidade de Boston confirma a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na desativação do vírus

Categoria Notícias
  • Covid-19: Universidade de Boston confirma a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na desativação do vírus
  • Covid-19: Universidade de Boston confirma a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na desativação do vírus

A Signify em conjunto com os Laboratórios Nacionais de Doenças Infeciosas Emergentes (NEIDL) da Universidade de Boston, nos EUA, realizaram pesquisas que validam a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na eliminação do SARS-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19.

Desde o início da pandemia de SARS CoV-2, Anthony Griffiths, Professor Associado de Microbiologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Boston e a sua equipa, têm trabalhado no desenvolvimento de ferramentas para apoiar o avanço científico neste campo.

Durante a investigação, trataram o material inoculado com diferentes doses de radiação UV-C provenientes de uma fonte de luz Signify e avaliaram a capacidade de inativação sob várias condições.

A equipa aplicou uma dose de 5mJ / cm2, que resultou numa redução do vírus SARS-CoV-2 de 99% em 6 segundos.

Com base nos dados, foi considerado que uma dose de 22mJ / cm2 vai resultar numa redução de 99,9999% em 25 segundos.

"Os resultados dos nossos testes revelam que, acima de uma dose específica de radiação UV-C, os vírus foram completamente desativados: em apenas alguns segundos já não conseguimos detetar nenhuma presença de vírus", afirmou Anthony Griffiths.

"Estamos muito entusiasmados com estas descobertas e esperamos que isto acelere o desenvolvimento de produtos que possam ajudar a limitar a disseminação da Covid-19", acrescentou.

A Signify trabalha a luz UV-C e está na vanguarda da tecnologia UV há 35 anos, com um historial comprovado na inovação em UV-C, projetada, fabricada e instalada de acordo com os mais altos padrões de segurança.

"Estou muito satisfeito com a cooperação com a Universidade de Boston na luta contra o Coronavírus. A Universidade de Boston confirmou a eficácia das nossas lâmpadas, como uma medida preventiva para empresas e instituições, que procuram formas de oferecer ambientes livres de vírus", afirmou Eric Rondolat, CEO da Signify.

"Dado o potencial da tecnologia para auxiliar no combate ao Coronavírus, a Signify não vai manter a tecnologia para uso exclusivo e vai disponibilizá-la a outras empresas de iluminação. Para fazer face à crescente necessidade de desinfeção, vamos aumentar a nossa capacidade de produção múltipla nos próximos meses", conclui.

 

João Catarino

 

fonte: www.signify.com


 

Últimos artigos
10 jul 2020
O MERCADO IMOBILIÁRIO E A CRISE EM PORTUGAL
É certo que os efeitos do COVID-19 afetarão de forma extrema a economia portuguesa, uma vez que sua maior percentagem vem através do turismo. Contudo, essa quebra da economia estaria maior caso não fosse os investimentos imobiliários e em construção no país.
26 jun 2020
Requalificação da Zona de Interface de Transportes de Pombal
O projeto de Requalificação da Zona de Interface de Transportes de Pombal, propõe a aproximação das duas zonas da cidade, presentemente separadas pela linha ferroviária do Norte que, através da introdução de uma passagem superior, servirá não só como elemento ligante das zonas, mas funcionará também como articulador dos serviços de transportes públicos, integrando-os no novo Interface Modal de Transportes. 
22 jun 2020
Covid-19: Universidade de Boston confirma a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na desativação do vírus
A Signify em conjunto com os Laboratórios Nacionais de Doenças Infeciosas Emergentes (NEIDL) da Universidade de Boston, nos EUA, realizaram pesquisas que validam a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na eliminação do SARS-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19.
Partilhar artigo Partilhe este artigo nas redes sociais
x
O nosso website usa cookies para ajudar a melhorar a sua experiência de utilização. Ao utilizar o website, confirma que aceita a sua utilização. Esperamos que esteja de acordo. Política de Utilização de Cookies.