01 jun 2020

Desconfinamento em espaços interiores. E o ar?

Categoria Artigos de Opinião
  • Desconfinamento em espaços interiores. E o ar?
  • Desconfinamento em espaços interiores. E o ar?

 

Cada vez há mais evidência que uma parte dos contágios se verifica pelo ar e deve-se a vírus que ficam horas suspensos em aerossóis.

Inicialmente as autoridades indicavam como únicas medidas importante o distanciamento social e a lavagem das mãos. Infelizmente não era suficiente.

Com esta nova realidade é preciso cuidar do ar interior e tomar algumas precauções com máscaras.

Existe uma tecnologia comprovada e muito eficaz para a desinfeção do ar e que pode tornar os espaços interiores mais seguros. Trata-se da luz ultravioleta do tipo C, germicida de comprimento de onda 254 nano metros. 

O aparelho da fotografia é um exemplo da tecnologia. As duas lâmpadas de ultravioleta são introduzidas dentro de uma conduta onde circula o ar. Este sistema desinfeta o ar em espaços fechados (sem a utilização de produtos químicos), neutralizando vírus, bactérias e fungos, reduzindo o risco de contágio de doenças e de alergias. A tecnologia já é usada noutros países (Estados Unidos e China, por exemplo), onde é aplicada em hospitais, estabelecimentos comerciais, aeroportos, submarinos e, mais recentemente, em transportes públicos.

 “Nova Iorque está a usar luz UV para desinfetar o metro e autocarros contra o Covid-19” CBS News (Maio 2020)

 A luz ultravioleta germicida (UV-C) foi descoberta há mais de 200 anos e foi utilizada pela primeira vez em 1935, para desinfetar o ar.

Todas as bactérias e vírus testados à data (muitas centenas ao longo dos anos, incluindo vários coronavírus) não resistem à desinfeção UV-C. Não se conhecem patógenos resistentes ao UV-C. O sistema emite luz a 254nm, sendo extremamente eficaz a alterar o DNA e RNA de micro-organismos, impedindo assim os mesmos de se reproduzirem e causarem doenças.

 “A radiação ultravioleta germicida usa energia ultravioleta de comprimento de onda curto [254nm] para inativar vírus, bactérias e fungos, de forma a que os mesmos sejam incapazes de se reproduzir e causar potenciais doenças.” ASHRAE - American Society of Heating, Refrigerating and Air-Conditioning Engineers (2019)

 Em relação ao uso de radiação germicida UV para neutralização de patógenos no ar em lojas, restaurantes, salas de aula, etc. diz “Fizemos os estudos. Sabemos que funciona.” Dr. Edward A. Nardell, Professor da Harvard Medical School, em entrevista ao New York Times (Maio 2020)

 A comunidade científica está cada vez mais a valorizar uma tecnologia com 200 anos para um problema recente.

 

João Catarino

Últimos artigos
10 jul 2020
O MERCADO IMOBILIÁRIO E A CRISE EM PORTUGAL
É certo que os efeitos do COVID-19 afetarão de forma extrema a economia portuguesa, uma vez que sua maior percentagem vem através do turismo. Contudo, essa quebra da economia estaria maior caso não fosse os investimentos imobiliários e em construção no país.
26 jun 2020
Requalificação da Zona de Interface de Transportes de Pombal
O projeto de Requalificação da Zona de Interface de Transportes de Pombal, propõe a aproximação das duas zonas da cidade, presentemente separadas pela linha ferroviária do Norte que, através da introdução de uma passagem superior, servirá não só como elemento ligante das zonas, mas funcionará também como articulador dos serviços de transportes públicos, integrando-os no novo Interface Modal de Transportes. 
22 jun 2020
Covid-19: Universidade de Boston confirma a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na desativação do vírus
A Signify em conjunto com os Laboratórios Nacionais de Doenças Infeciosas Emergentes (NEIDL) da Universidade de Boston, nos EUA, realizaram pesquisas que validam a eficácia das fontes de luz UV-C da Signify na eliminação do SARS-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19.
Partilhar artigo Partilhe este artigo nas redes sociais
x
O nosso website usa cookies para ajudar a melhorar a sua experiência de utilização. Ao utilizar o website, confirma que aceita a sua utilização. Esperamos que esteja de acordo. Política de Utilização de Cookies.