06 fev 2020

Ciclo de vida de ativos imobiliários e a excelência do planear

Categoria Legislação e Regulamentação
  • Ciclo de vida de ativos imobiliários e a excelência do planear

Numa forma simplista podemos indicar que este ciclo inicia com a realização do projeto, o qual é constituído por fases, sendo as mesmas indicadas na Portaria 701-H/2008 de 29 de julho.
A Portaria indica que as referidas fases são o Programa base, o Estudo prévio, o Anteprojeto ou Projeto base e o Projeto de execução e Assistência técnica.
Refere ainda que o faseamento dos projetos de remodelação, ampliação, reabilitação, reforço e demolição pode ser ajustado à respetiva especificidade, por especificação do caderno de encargos ou acordo entre o dono da obra e o projetista.
A Portaria aprova o conteúdo obrigatório do programa e do projeto de execução, a que se refere o Código dos Contratos Públicos, bem como os procedimentos e normas a adotar na elaboração e faseamento de projetos de obras públicas, designados como instruções para a elaboração de projetos de obras.
Após estas fases segue-se a execução da obra, que consoante diferentes fatores como económicos, técnicos e ambientais, ou outros, terá um decurso temporal diferente.
Após o terminar da obra inicia-se a gestão do ativo imobiliário, por vezes chamada de manutenção. Alguns estudos apontam que consoante o tipo de ativo imobiliário, o custo da gestão (manutenção) do mesmo, pode ao fim de poucos anos, ultrapassar o custo de construção.
Desta forma, ganha importância ainda em fase de projeto a procura da excelência, desde o planear do mesmo à assertividade da coordenação dos recursos das diferentes especialidades, facto que permitirá o alocar das soluções necessárias para um ativo ser mais eficiente, e onde os equipamentos possuem um bom equilíbrio na relação eficiência, custo, manutenção, permitindo uma gestão economicamente mais favorável.


Pedro Faria

Últimos artigos
30 jul 2020
Assinatura do Auto de Consignação da Ampliação de Lar de Idosos da Irmandade da Nossa Senhora das Necessidades – Fiscalização da Central Projectos
A obra prevê a ampliação do edificado existente com a construção de um volume novo com 3 pisos, com 13 novos quartos duplos ao nível do piso superior, com uma nova clínica de medicina física e de reabilitação criada ao nível do rés-do-chão e, no piso inferior, com lavandaria e áreas técnica. 
22 jul 2020
COVID-19: Prevenção e Controlo de Infeção no Setor da Construção
Apesar do período de confinamento que ocorreu no nosso país, a construção foi um setor que nunca cessou suas atividades. Nos últimos tempos, principalmente na zona de Lisboa e vale do Tejo, foi reportado um aumento significativo do contágio de colaboradores neste setor, o que fazia adivinhar a tomada de medidas pelas autoridades competentes.
10 jul 2020
O MERCADO IMOBILIÁRIO E A CRISE EM PORTUGAL
É certo que os efeitos do COVID-19 afetarão de forma extrema a economia portuguesa, uma vez que sua maior percentagem vem através do turismo. Contudo, essa quebra da economia estaria maior caso não fosse os investimentos imobiliários e em construção no país.
Partilhar artigo Partilhe este artigo nas redes sociais
x
O nosso website usa cookies para ajudar a melhorar a sua experiência de utilização. Ao utilizar o website, confirma que aceita a sua utilização. Esperamos que esteja de acordo. Política de Utilização de Cookies.